Imigrantes africanos em São Paulo farão conferência sobre legislação e desafios no Brasil

0
311

“Um continente, um país, uma família, um pai, uma mãe. África do coração”. É com esse lema que será realizada em São Paulo, neste sábado (28), a primeira conferência municipal organizada inteiramente por africanos que vivem na cidade.

A conferência é uma iniciativa da rede África do Coração, formada há dois anos por imigrantes e refugiados de países africanos que vivem em São Paulo, com apoio da Prefeitura de São Paulo, Cáritas, ACNUR e Missão Paz. Os debates acontecem no Colégio São Bento, bem no centro da capital (veja mais ao final do texto).

Cartaz de divulgação da Conferência. Crédito: Divulgação
Cartaz de divulgação da Conferência.
Crédito: Divulgação

“A rede foi iniciativa de um grupo de africanos que compartilhava as próprias dificuldades e decidiram criar uma rede para ajudar e defender os africanos que aqui vivem”, explica o congolês Jean Katumba, que faz parte do grupo.

O objetivo da conferência é criar um espaço livre para debates e apresentação dos desafios sociais da comunidade africana no Brasil. A Lei de Migração, que tramita atualmente na Câmara dos Deputados, é um dos temas que estarão em discussão no evento.

Migrantes de outras nacionalidades e brasileiros também estão convidados a participar.

GCMIR – 1ª Grande Conferência Municipal dos Imigrantes e Refugiados Africanos
Data e hora: 28 de novembro, das 9h às 16h
Local: Colégio São Bento – largo São Bento, s/n – Centro, São Paulo (SP)
(próximo à estação São Bento do metrô)

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.