Imigrantes e amigos homenageiam sírio que perdeu a mãe por coronavírus

A dedicação do ativista à mãe e à causa migratória, no entanto, não passou em branco. Amigos de diferentes nacionalidades manifestaram pesar e apoio

0
145
Imigrantes e amigos homenageiam sírio que perdeu a mãe por coronavírus
O sírio Abdulbaset Jarour, ao lado da mãe. (Foto: Arquivo pessoal)

Depois de muito acolher e auxiliar imigrantes com seu ativismo, chegou a vez do sírio Abdulbaset Jarour receber destes a retribuição por sua atuação. A mãe do vice-presidente da ONG África do Coração, Khadouj Makzum, morreu na manhã da última quarta-feira (13) após três semanas internada devido ao coronavírus.

O caso foi contado por reportagem do jornal Folha de S.Paulo no dia 28 de abril passado. O texto lembra ainda a luta do ativista para trazer a mãe e a irmã da Síria para viverem com ele no Brasil, o que ocorreu em dezembro de 2018.

NOTA DE FALECIMENTO POR COVID-19É com pesar que a ONG África do Coração comunica o falecimento da Senhora Khadouj…

Posted by África do coração on Wednesday, May 13, 2020

Nos dias seguintes à internação da mãe, Abdo — como também é conhecido — ainda conseguiu conciliar os cuidados com ela e as atividades da África do Coração. Justamente em um momento no qual a ONG tem sido demandada constantemente em ações em favor das comunidades migrantes em São Paulo.

Uma das atividades integradas pela África do Coração, inclusive, é uma campanha na qual conscientiza imigrantes sobre a importância do isolamento social como forma de conter o coronavírus. E de quebra, de cuidar um do outro nesse momento.

Homenagens e apoios

A dedicação do ativista à mãe e à causa migratória, no entanto, não passou em branco. Imigrantes, coletivos de imigrantes, associações ligadas à temática migratória e amigos manifestaram pesar, apoio e solidariedade.

“Meus sentimentos meu querido amigo, não posso estar com você por perto, mas estou do coração”, disse a ativista congolesa Prudence Kalambay. Além de gravar um vídeo em apoio a Abdo, também lançou as hashtags #Abdonãoestasozinho e #abdoestoucomvc para que outras pessoas manifestassem solidariedade.

#Abdonãoestasozinho#abdoestoucomvc

Posted by Prudence Kalambay on Wednesday, May 13, 2020

“Eu orei pela recuperação dela, mas Allah escolheu levar ela agora. Que ela descanse na Paz de Allah e conforte seu coração”, expressou o turco Mustafa Goktepe —ambos seguem a religião islâmica.

“Lamentamos com pesar essa perda de Abdo JA Rour e nos solidarizamos com todas famílias que estão perdendo seus entes queridos para Covid-19”, se manifestou o Fórum Fronteiras Cruzadas.

“Ele lutou durante 4 anos para conseguir trazê-la ao Brasil e hoje ela nos deixa por conta de um vírus que assola o país. Vai em paz Khadouj Makzum, Addu, meu amigo querido, a você toda solidariedade, toda a força e orações para enfrentar este momento triste”, escreveu o coordenador do Espacio Sin Fronteras, Paulo Illes, que atualmente residente em Portugal.

O sociólogo Alex Vargem, que integra a diretoria do CAMI (Centro de Apoio e Pastoral do Migrante e Refugiado), ainda lembrou de uma homenagem feita pelo próprio Abdo a ele em 2019, quando o colega havia perdido a mãe.

“No ano passado você orou na passagem da minha mãe, no funeral, realizou uma linda homenagem para ela com uma canção árabe-islâmico junto de outros migrantes. Mesmo sabendo que um dia a vida acaba no plano físico, não estamos preparados para perder quem amamos. Meus sentimentos meu grande irmão”.

Muita força para uma grande pessoa que perdeu sua mãe.Há exatos 5 anos daquele mês de maio no qual palestramos juntos…

Posted by Alex André on Wednesday, May 13, 2020

Assim como na mobilização que ajudou a trazer sua mãe para o Brasil, Abdo também contou com a ajuda de amigos para concretizar uma última homenagem: dar à mãe um funeral islâmico, ocorrido já na tarde de quarta-feira em Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo.


*Que tal receber notícias do MigraMundo diretamente em seu WhatsApp? Basta acessar este link e entrar em nosso grupo de distribuição de conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.