Ontem, hoje e sempre: como ajudar migrantes e refugiados no Brasil?

6
473

Em meio às notícias sobre migração e refúgio mundo afora, muitos se perguntam e buscam informações sobre como ajudar migrantes e refugiados que estão no Brasil.

Embora a cobertura da mídia seja feita de episódios que dão a impressão de que a questão da mobilidade humana no mundo “surgiu outro dia”, não é de hoje que o tema movimenta voluntários, militantes e entidades do poder público e da sociedade civil. A todo momento eles buscam – e precisam – dos mais diversos itens e suportes para manter e expandir ações de assistência, orientação e inclusão daqueles que chegam de fora.

Então, como sempre é hora de apoiar e divulgar tanto o trabalho dessas pessoas e iniciativas em geral, aqui vão algumas informações sobre como ajudar – agora e no futuro – tanto refugiados como migrantes:

Mesquitas

Além de templos islâmicos, as mesquitas são pontos de apoio importantíssimos para os migrantes e refugiados de fé muçulmana, ajudando na acolhida emergencial dos recém-chegados (tanto sírios como outras nacionalidades). Em São Paulo e na região metropolitana há pelo menos três locais que estão recolhendo doações, descritos na imagem abaixo:

mensagem

O sírio Talal Al-Tinawi, que vive no Brasil desde o fim de 2013, também tem mobilizado contatos e redes para buscar ajuda a ser repassada a refugiados. E os esforços têm rendido frutos preciosos, como as doações que já chegaram à sua casa e que serão repassados aos que mais precisam.

Doações que chegaram à casa de Talal. Crédito: Talal Al-Tinawi
Doações que chegaram à casa de Talal.
Crédito: Talal Al-Tinawi

Adus

O Adus – Instituto de Reintegração do Refugiado conta com uma série de programas e atividades desenvolvidas junto com refugiados. Para tal, a entidade sempre busca e treina voluntários que possam ajudar. Um exemplo é o Amigo Adus, que oferece cursos de português, qualificação profissional, ações culturais, entre outras ações.

O Adus fará em breve posts explicativos nas redes sociais para orientar todos que querem colaborar como voluntários. “Toda ajuda é sempre bem-vinda, mas, para organizar os voluntariados, existe uma operação interna (treinamento, horários de sala, cronograma de atividades, combinações com os refugiados…) e tudo isso exige tempo e braço”, informa a instituição.

Mais informações podem ser obtidas por meio da página do Adus no Facebook , no site ou com marcelo.haydu@adus.org.br . A sede fica na av. São João, 313 – 11º andar, no centro de São Paulo. Para doações em dinheiro devem ser usados os dados abaixo:

Instituto de Reintegração do Refugiado
Banco Itaú
Agência 1618
C/C 28655-1
CNPJ: 13.063.347/0001-25

Cáritas SP

A Cáritas SP, uma das referências no atendimento e orientação de refugiados em São Paulo, mantêm campanhas permanentes para arrecadar itens como leite em pó, fraldas descartáveis, produtos de higiene pessoal e de limpeza. As doações podem ser entregues na sede da organização, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 17h, na rua Major Diogo, 834 – Bela Vista, São Paulo (SP).

Doações em dinheiro podem ser feitas via PagSeguro ou ou pelos dados bancários abaixo:

Cáritas Arquidiocesana de São Paulo
Banco Itaú
Agência 251
Conta corrente 7001-7
CNPJ 62021308/0001-70

Campanha da Cáritas SP para doações. Crédito: Divulgação
Campanha da Cáritas SP para doações.
Crédito: Divulgação

Cáritas RJ

Além do Rio de Janeiro, a divisão fluminense da Cáritas fornece ajuda para as sedes da organização em outros 19 Estados brasileiros. Entregas de doações podem ser feita na sede da entidade, que fica na Rua São Francisco Xavier, 483, Maracanã, Rio de Janeiro. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h (exceto dia 07/09, que é feriado). Informações pelo e-mail comunicacao@caritas-rj.org.br

Doações em dinheiro podem ser feitas por meio dos dados abaixo:

Banco: Bradesco
Agência: 0814
Conta corrente: 76565-1
CNPJ: 34267971/0001-14

Cáritas RJ chama a sociedade para se mobilizar pelos refugiados. Crédito: Divulgação
Cáritas RJ chama a sociedade para se mobilizar pelos refugiados.
Crédito: Divulgação

Missão Paz

A Missão Paz recebe a todos os imigrantes e refugiados, independentemente da nacionalidade. De acordo com a entidade, mães sírias tem sido atendidas pelo serviço social da organização e recebido o apoio que necessitam. Recentemente, a Missão recebeu um grande número de doações de alimentos e roupas, durante o momento de acolhida dos imigrantes haitianos. “Desta forma, aos que desejam alcançar as famílias sírias atendidas aqui na Missão Paz, orientamos que façam doações de leite em pó e fraldas descartáveis para que possamos continuar atendendo à essas mães e crianças. Agradecemos o apoio de todos”, informa a instituição por meio do Facebook.

A Missão Paz fica na rua do Glicério, 225 – Liberdade, São Paulo (SP), onde são recebidas as doações materiais. Dúvidas sobre voluntariado podem ser tiradas por meio do e-mail voluntariado@missaopaz.org

Doações em dinheiro, que serão usadas para manutenção da Casa do Migrante, podem ser feitas de acordo com os dados abaixo:

Mitra Arquidiocesana de São Paulo
Banco Bradesco
Agência 0515
C/C 037060-6
CNPJ: 63.089.825/0232-76

Outra forma muito importante de ajudar as pessoas que chegam de outros países é dar visibilidade a informações, ações e práticas (coletivas ou individuais, do poder público ou da sociedade organizada) que ajudam a quebrar estereótipos que atrapalham o entendimento sobre a mobilidade humana.

BibliASPA

A BibliASPA (Biblioteca E Centro de Pesquisa América do Sul-Países Árabes) é um centro de pesquisa e cultura criado com o objetivo de promover a reflexão crítica por meio da pesquisa, produção e difusão sobre os povos árabes, africanos e sul-americanos.

A entidade também desenvolve ações junto a migrantes e refugiados. Um deles é o Programa de Língua Portuguesa e Cultura Brasileira para Estrangeiros, que pode ser feito por cidadãos de qualquer nacionalidade.

Os horários disponíveis são: terça, das 19h30 às 21h; quinta, das 19h30 às 21h; sábado, das 10h às 12h; e sábado, das 15h às 17h. Para maiores informações sobre os cursos e de como colaborar com esta e outras ações da BibliASPA basta entrar em contato pelo telefone (11) 99609-3188, ou preenchendo o formulário disponível neste link.

IKMR – Eu Conheço Meus Direitos

A instituição IKMR – Eu Conheço Meus Direitos é a única no Brasil que se dedica ao amparo de crianças refugiadas. O mais recente projeto da IKMR visa à arrecadação de recursos para o pagamento das despesas de deslocamento de crianças que se encontram em situações de risco, para que busquem um vida mais segura no Brasil. Para saber mais, acesse:http://bit.ly/1XT4KW3

Quem puder colaborar, contribua com qualquer valor na conta:
I KNOW MY RIGHTS – IKMR
Agência: 1597
Operação: 003
C/C: 00001495 -2
CNPJ: 13.350.660/0001-44

Para fins contábeis, confirme a doação através do envio do comprovante. Pode ser inbox ou neste email: contato@ikmr.org

E você, conhece outra entidade ou grupo que está ajudando migrantes e refugiados? Envie os dados para blogmigramundo@gmail.com que eles serão inclusos neste post-serviço de utilidade pública.

Com informações de BBC BrasilUOL e Folha de S.Paulo

6 COMENTÁRIOS

  1. OS imigrantes precisa que todo o mundo abrace cada um deles,pois nos na realidade somos descendentes de migrantes que apenas chegou primeiro nesse pais,quem tem duvidas reflita nos seus sobrenomes! por varias razões tão graves quanto as de hoje!!!! veja bem vindos os migrantes, vamos abrir portas para os que batem nas nossas portas chamadas fronteiras pedindo socorro!!!! na minha visão todo o mundo tem que abrir as portas.OBS; Precisamos Trabalhar nas escolas escolar o que é
    migração,e o que muitas vezes leva a pessoas, passar por essa situação que precisa deixar tudo para traz e recomeçar do zero em um pais estranho!

    • Olá Gleidson, bom dia!
      Por favor, procure alguma Pastoral do Migrante ou outra instituição que faça acolhida a migrantes na sua cidade. Certamente eles saberão informar a melhor forma de acolher as pessoas de outros países que os procuram!

      Att,
      Equipe MigraMundo

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.