Peru fica com título do Festival Copa Gringos 2015; Nigéria leva África ao pódio

3
172

Além do Carnaval Andino Yunza, a comunidade peruana em São Paulo teve outros motivos para festejar no último domingo (22). A seleção que representou o país no Festival Copa Gringos, disputado por times formados por estrangeiros residentes no Brasil, confirmou o favoritismo e ficou com o título do torneio. Coreia e Nigéria completaram o pódio desta edição.

Os peruanos já vinham “batendo na trave” desde a primeira edição da Copa Gringos. No primeiro semestre de 2014, caíram na semifinal e ficaram com o terceiro lugar; já na Liga Gringos, no semestre seguinte, chegaram até a final e tiveram de se contentar com o vice. Curiosamente, nos dois casos o algoz foi a Bolívia, campeã da Liga Gringos, mas que ficou de fora desta edição por motivos financeiros.

Peru confirmou favoritismo e venceu o Festival Copa Gringos. Crédito: Lucas Campos
Peru confirmou favoritismo e venceu o Festival Copa Gringos.
Crédito: Lucas Campos

O merecido título veio depois de uma campanha praticamente perfeita. Na fase de grupos, foram dois “chocolates” sobre a Espanha (8 a 2) e Equador (12 a 0), seguidos de um 3 a 1 contra a Argentina. Já nas quartas de final, fez 5 a 0 na Alemanha (5 a 0) e sofreu na semifinal, quando superou o Brasil por 7 a 5.

Na grande final o adversário foi a estreante Coreia, que surpreendeu seleções apontadas como favoritas e eliminou a Argentina nos pênaltis nas quartas de final. No entanto, os peruanos confirmaram a condição de favoritos e asseguraram o título.

O pódio foi completado pela Nigéria, que “encarnou o espírito” da Alemanha na Copa da Fifa e massacrou o Brasil por 7 a 0 na decisão pelo terceiro lugar, marcando com estilo a volta das seleções africanas à Copa Gringos. A edição anterior não contou com representantes do continente por questões financeiras dos potenciais times.

Nigéria fez bonito no retorno à Copa Gringos e ficou com o terceiro lugar na Série A. Crédito: Eva Bella
Nigéria fez bonito no retorno à Copa Gringos e ficou com o terceiro lugar na Série A.
Crédito: Eva Bella

Já a Série B teve como vencedor a Ucrânia, que bateu a Suíça na final por 3 a 2. O terceiro lugar coube aos Estados Unidos, que venceram o time B da França pelo placar mínimo (1 a o).

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.