Viajando e sonhando com uma vida melhor – migrantes de ontem para entender os de hoje

4
467

As migrações estão na pauta da sociedade, mas ainda são pouco compreendidas por ela – o caso do jovem chinês agredido recentemente no metrô de São Paulo é um exemplo didático. Sobretudo em tempos assim, é fundamental resgatar e compreender a participação que os migrantes tiveram no passado para ajudar a entender a importância que continuam a exercer na sociedade atual. E uma dessas boas oportunidades é vistar a exposição “Viagem, Sonho e Destino”, organizada pelo Museu da Imigração.

viagem3

A mostra, que já passou por diversas estações de trem e metrô de São Paulo e já caminha para seu final, fica na estação Brás da CPTM até o próximo dia 27. Ela conta, por meio de fotos e depoimentos do acervo do Museu da Imigração, os trajetos de cerca de 2,5 milhões de migrantes que tentaram a vida em São Paulo.

viagem2

O local não poderia ser mais adequado, já que fica a poucas centenas de metros da antiga Hospedaria de Imigrantes do Brás, que funcionou entre 1887 e 1978 e tem seu funcionamento contado na exposição.

Apesar do recorte histórico, a exposição “Viagem, Sonho e Destino” ajuda o visitante a abrir os olhos para a importância dos migrantes – que não apenas ajudaram a construir São Paulo no passando, mas continuam ajudando e dando sua contribuição à metrópole.

Exposição Viagem, Sonho e Destino

Local: Estação Brás da CPTM

Horário: das 7h30 às 19h, até dia 27 de janeiro

Entrada: Gratuita

Crédito das fotos: Rodrigo Borges Delfim

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Informe seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.